Localização:
Rodovia Anhanguera, Km 174
Araras - São Paulo - Brasil

Contato:

Telefones de contato

Notícias

UFSCar cria projeto de eficiência energética para o Campus Araras

A UFSCar e a Elektro Distribuidora de Energia assinaram um Termo de Cooperação Técnica para diminuir o consumo de eletricidade no Campus Araras da UFSCar, o que vai gerar uma economia de aproximadamente R$ 150 mil por ano. A empresa vai investir R$ 1.069.937,88 na instalação de mais de 5.500 novas lâmpadas com tecnologia LED tanto em ambientes internos (salas de aula, laboratórios, sala de professores e corredores) e também na área externa, como nos estacionamentos, por exemplo. O acordo também prevê a instalação de duas usinas solares fotovoltaicas, para produção própria de 38,4 kWp de energia – o que representa uma redução no gasto de, aproximadamente, 19%. Ambas as usinas também terão fins didáticos e pedagógicos.

Como resultado da parceria, os servidores da UFSCar vão receber treinamentos relacionados à segurança e ao uso racional de energia. “A iniciativa merece destaque não só pela redução de custos, mas também pela ampliação da segurança do espaço físico, assim como da infraestrutura do Campus Araras, e colabora com a meta de transformar a UFSCar num modelo de gestão sustentável”, afirmou Ednaldo Pizzolato, Diretor da Fundação de Apoio Institucional ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico da UFSCar, que é gestora do projeto.

“Isso nos dá uma satisfação muito grande, principalmente, considerando este momento delicado que as universidades brasileiras vivem”, disse Jozivaldo Morais, Diretor do Centro de Ciências Agrárias (CCA) da UFSCar, durante a assinatura do acordo. Para ele, o projeto é motivo de grande alegria também pelo efeito pedagógico na formação dos estudantes. “Vivendo num campus com essas características do ponto de vista energético, os alunos poderão replicar e irradiar isso para suas famílias e para a sociedade depois de formados”, afirmou Morais. Walter Libardi, Vice-Reitor da UFSCar e coordenador do projeto, concordou: “Nós precisamos conscientizar nossos estudantes sobre a questão da sustentabilidade”, disse.

A iniciativa está inserida no Programa de Eficiência Energética da Elektro, regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), que determina que as distribuidoras de energia elétrica apliquem todos os anos o valor equivalente a 0,5% da receita operacional líquida em projetos de economia de energia.

Para Daniela Freitas, Supervisora de Eficiência Energética da Elektro, esse convênio tem como resultado não apenas a economia de energia, mas também a conscientização para os atuais estudantes do Campus e futuras gerações. “O objetivo do Programa de Eficiência Energética é disseminar o uso eficiente e seguro da energia elétrica, com o intuito não apenas de redução de consumo de energia, mas de construir uma nova forma de lidar com esse insumo”, concluiu ela.

Publicado por: Eduardo Sotto Mayor
Em 10/05/2018